top of page
blog2.png

Blog

Itália inaugura trem direto de alta velocidade entre Roma e Pompeia

Conexão direta entre a capital italiana e o sítio arqueológico no sul do país dura em média duas horas e é feita em trem que pode chegar a 400 km/h

Roma e Pompeia estão mais próximas do que nunca: um trem direto de alta velocidade que liga a capital italiana ao sítio arqueológico no sul do país foi inaugurado neste domingo (16). A conexão passa a ocorrer todo terceiro domingo do mês e tem duração de 1h47 na ida e 2h15 na volta.


Segundo a Trenitalia, que opera a linha, a partida está prevista da estação Roma Termini às 8h53 com uma parada em Nápoles às 10h03 (mas sem necessidade de alteração de veículo), com chegada prevista na estação de Pompeia às 10h40. Na chegada, visitantes também podem escolher pegar um ônibus que os leva diretamente ao parque arqueológico.


O regresso está programado para às 18h40 com parada em Nápoles às 19h23 e chegada a Roma Termini às 20h55.O percurso é feito a bordo do Frecciarossa 1000, trem que pode atingir 400 km/h e trabalha com diferentes níveis de serviços, que vão da categoria padrão até a classe executiva – o mesmo trem é usado para uma rota entre Milão e Roma feita em menos de três horas.


Durante a viagem, passageiros podem entrar em contato com histórias e fatos da antiga Pompeia através de monitores a bordo.


A novidade vem para somar as 50 viagens diárias de ida e volta já em operação entre Roma e Pompeia. A diferença destas viagens é que os passageiros devem sair na estação central de Nápoles e pegar um outro trem regional com destino ao sítio arqueológico.


A nova conexão é uma colaboração entre o ministério da cultura italiano e a companhia ferroviária estatal do país. Estiveram na inauguração da linha a primeira ministra italiana Giorgia Meloni e o Ministro da Cultura Gennaro Sangiuliano, que escreveu pelas redes sociais que este é “mais um passo para a valorização de nosso extraordinário patrimônio”.


O sítio arqueológico


Na região da Campânia, Pompeia é um dos pontos turísticos mais visitados da Itália e figura como Patrimônio Cultural Mundial da Unesco junto do sítio arqueológico de Herculano.


A cidade foi soterrada por uma erupção do Vesúvio em 79 d.C e hoje é possível visitar nove áreas divididas entre antigas ruas e vielas, anfiteatros e a necrópole, assim como vilas, casas e templos.


Vale lembrar que no último mês de junho, um afresco de natureza morta retratando um possível ancestral da típica pizza italiana foi encontrado na parede de uma casa na região.


Fonte: CNN Brasil

Comments


bottom of page